NÃO JULGUE SEM CONHECER

 Pense antes de responder, conheça antes de julgar.


Nestes tempos de pandemia, informações desencontradas e contra informações frequentes eu me recordo de uma história corrente nos Estados Unidos, que nos faz meditar melhor sobre opinar ou responder a aquilo que não conhecemos.

Era 1885. Um casal desceu do trem em Boston, meio amarfanhado pela longa viagem e se dirigiu ao gabinete do presidente da Universidade Harvard. Não haviam marcado audiência e a secretaria do presidente, talvez cansada, informou que não poderiam ser recebidos porque ele estava muito ocupado.

- Viemos da Califórnia para isso, - disse a senhora Jane, e podemos esperar por algum tempo. Sentaram-se na sala de espera e pacientemente aguardaram por algumas horas até que a secretaria, incomodada, foi ao presidente e lhe disse. – Há um casal aqui que deseja falar com o senhor e está esperando há horas. Quem sabe se o senhor lhes dirigir algumas palavras vão embora e me deixam em paz.

O presidente foi até a sala de espera e em pé, atendeu os visitantes, - O que desejam? A senhora disse: - Nosso filho morreu no ano passado e o sonho dele era estudar em Harvard. Pensamos em erigir um monumento em sua memória, se o senhor permitir.

O presidente, irônico, respondeu: - Minha senhora, tivemos milhares de alunos aqui e se fossemos fazer um monumento para cada um não haveria espaço no campus. Não – disse ela – não é uma estátua, pensamos em doar um edifício. 

Meio irritado ele retrucou: - A senhora tem ideia de quanto custa um edifício? Aqui em Harvard temos sete e meio milhões de dólares em prédios. 

Súbito silêncio. Ela olhou para o marido e disse – Leland, se é só isso podemos fazer a nossa própria universidade. E o casal Jane e Leland Stanford, ele ex-governador da Califórnia e mais tarde senador dos EUA, um dos homens mais ricos do mundo, dono das estradas de ferro americanas e da lendária Wells Fargo Co. saíram e em sua fazenda de 220 km2 em Palo Alto, na Califórnia, construíram a Leland STANFORD Junior UNIVERSITY, uma das melhores e mais prestigiadas universidades do mundo, onde nasceram o Google e este aplicativo que estamos usando.

A secretaria e o reitor não sabiam com quem estavam falando e certamente os julgaram pelas roupas amassadas e pela aparência cansada e o diretor respondeu sem sequer pensar na proposta.

Estamos presos em casa cansados do descanso e usando nossas roupas mais velhas e confortáveis. Dê atenção e ouça com carinho às pessoas que estão presas com você.

EDIFICIO SOCIAL - MAÇONARIA- Newton Agrella

 Newton Agrella é escritor, tradutor e palestrante. Um dos mais respeitados intelectuais da maçonaria no Brasil. 


É interessante que várias expressões maçônicas são frequentemente ouvidas pelos obreiros, contudo algumas delas soam pouco familiares à sua compreensão.


Este é o caso, por exemplo, de "Edifício Social".


Eis um termo que deveria ser mais explorado, analisado e estudado pelos Maçons.


A bem da verdade, "Edifício Social"  é uma terminologia que começou a ganhar vulto  com o advento da Maçonaria Especulativa.


Seu significado faz uma clara referência ao "modus operandi", isto é;  à Maçonaria Operativa, cuja atividade se baseava nas "construções físicas e civis".


O legado deixado como um simbolismo à "Maçonaria Especulativa"  foi o de alicerçar-se filosoficamente na construção do "edifício social ideal"  inspirado no aprimoramento humano de caráter moral, e intelectual, sem deixar é claro de se preocupar com o lado espiritual e esotérico que compõem o seu arcabouço.


Gradativamente a construção do "edificio social" foi alargando margens, superando barreiras e caracterizando a Maçonaria como um fórum ou uma "sociedade de pensamento" , de caráter  cosmopolita, preservando contudo seus segredos seculares.  


Esse "edifício"  ganha maior legitimidade quando o homem passa a se dedicar ao seu trabalho de aperfeiçoamento interior através do Simbolismo de natureza racional, espiritual, cultural e evolucional, visando sempre a prática do bem e do cultivo da Virtude.


A Maçonaria é antes de tudo um local para o  compartilhamento de idéias, conhecimento e de crescimento conjunto e individual.


Cabe registrar que o "edifício social" é erigido para que através de seus atributos o homem possa desenvolver sua dignidade combatendo todas as formas de injustiça, conspirações ideológicas, vícios, e o cerceamento da liberdade.


O maçom tem como missão levar para sua célula social o combate a toda forma de opressão, desigualdade e intolerância.


A liberdade é o meio que proporciona construir o "edifício social" sedimentado nos valores  da natureza humana.


A Maçonaria Especulativa preconiza a presença do despertar da consciência individual e da consciência universal para se construir literalmente uma sociedade liberta.


Para que o edifício social se solidifique e se torne pleno a ação integrada da sociedade deve pugnar permanentemente pelos direitos fundamentais do homem com liberdade de pensamento e de expressão.


Esse "edifício" não tem forma, retas, curvas ou cores. Ele se sustenta apenas e tão somente no seu conteúdo.


*NEWTON AGRELLA*

NÃO JULGUE SEM CONHECER

 Pense antes de responder, conheça antes de julgar. Nestes tempos de pandemia, informações desencontradas e contra informações frequentes eu...